Facebook Instagram Twitter YouTube

Obra publicada pela editora nVersos traz retrato inédito dos moradores de uma das maiores comunidades do Brasil

morro

Formada por 13 favelas com mais de 70 mil habitantes, o Complexo do Alemão tem uma história marcada por violência, exclusão e desconhecimento. Não faz muito tempo, poucas eram as pessoas, além dos moradores, a subirem o morro. Então quase nada se sabia sobre quem vivia lá. O cenário hoje não é o mesmo e todas as atenções estão voltadas para um mundo até então reduzido apenas aos limites da favela. Exemplo disso é o livro A Voz do Alemão, escrito em parceria pela jornalista Sabrina Abreu e pelo jovem Rene Silva, morador do Alemão.

Na obra, Sabrina e Rene recuperam a história do Complexo ao conta-la por meio do jornal Voz da Comunidade, criado por Rene aos 11 anos de idade. Para isso, trazem uma grande diversidade de fontes que, somada à rica pesquisa, tornam a obra um retrato real e plural da comunidade.

Conhecido como “Rene do Voz”, o jovem criou o jornal em 2005 para falar sobre os problemas e necessidades dos moradores do Morro do Adeus, local onde vivia com os avós, a mãe e os irmãos. O que começou com uma folha de sulfite dobrada em quatro partes tomou força por falar daqueles que até então eram invisíveis diante da grande violência em que viviam.

“O Complexo só costumava ser citado quando o conteúdo se referia às vendas de drogas e às guerras do tráfico” afirma Helcimar Lopes, pesquisador e supervisor do Instituto Raízes em Movimento, uma ONG sediada no Morro do Alemão.

A notoriedade de Rene dentro do Complexo cresceu e se firmou, porém, foi apenas cinco anos depois, no dia 27 de novembro de 2010, com um post no Twitter que a fama o alcançou. Nele, Rene falava sobre a movimentação dos traficantes um dia antes da ocupação policial que foi notícia no mundo todo. “No dia seguinte, repórteres de cinco jornais diferentes esperavam na rua para entrevistar Rene”.

Com a fama, veio a oportunidade de aumentar os projetos sociais. Além do jornal, Rene também havia criado todo um cronograma de ações aproveitando datas comemorativas como o Natal e a Páscoa.“Eles tiveram um salto de qualidade e alcance depois que o jornal comunitário ganhou mais visibilidade – e que Rene teve acesso a quem poderia ajuda-lo a conseguir mais doações e atrações”. Com o apoio de famosos como Preta Gil e a banda NX Zero, as arrecadações e doações saltaram de volume.

A Voz do Alemão é a constatação de que força de vontade e atitudes podem fazer a diferença. O livro documenta e promove o sucesso das “crias do Complexo” sem se esquecer do passado sofrido, mas com esperança. Sua pluralidade e riqueza de detalhes oferecem ao leitor uma oportunidade única de imersão na realidade do Complexo, o que o torna único.

Confira o booktrailer da obra aqui!


Sobre os autores:
Sabrina Abreu
 é jornalista formada em Imagem e Cultura de Mídia pela Univer­sidade Federal de Minas Gerais (UFMG). Autora de outros três livros de não fic­ção, incluindo Meu Israel: viagem ao país onde céu e terra se encontram, ela frequenta o Complexo do Alemão desde 2011. Atualmente, vive em Belo Horizonte, onde é colunista da revista Veja BH.

Rene Silva
 é criador e editor-chefe do Jornal Voz da Comunidade e morador do Complexo do Alemão.



Compartilhar no Twitter

Publicidade